Notícias

ROTEIROS 2018.1: Guaramiranga, sob os olhares de quem mora e dos que a visitam

  • Foto para QA - Projeto Roteiros - Guaramiranga
  • IMG_0321
  • IMG_0363
  • IMG_0384
  • IMG_0421
  • IMG_0430
  • IMG_0432
Categoria:

Uni7 Informa

0

Estudantes e professores visitaram a cidade em busca de registro histórico, conhecendo personagens e a cultura local

O Centro Universitário 7 de Setembro (UNI7) realizou a quarta edição do Projeto Roteiros, no último sábado, 5. Alunos e professores de Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Design visitaram Guaramiranga, conhecendo seus pontos turísticos, prédios históricos e contando histórias de vida, além da produção de conteúdo voltado às diferentes mídias.

O Roteiros já visitou Canindé, Redenção e Maranguape nas outras edições. É um momento de interação entre alunos de diferentes semestres e professores.
Ao todo, 50 participantes entre professores, estudantes, técnicos e apoio percorreram, de ônibus, os 110 km entre Fortaleza e a ‘cidade das flores, do verde, da cultura e dos festivais’.

O coordenador dos cursos de Comunicação Social, Dilson Alexandre, destaca as etapas do projeto. “Estudamos e avaliamos antes de ir à cidade. Fazemos pré-pautas, nos preparamos e, chegando, lá há uma interação com a comunidade local. Vamos fazer o registro histórico da cidade, ter as diferentes percepções do entorno que visitamos. O principal é isso. Fora a pós-produção, que serve de registro histórico para a cidade, com seus personagens”. Para o coordenador, a importância de momentos assim faz a diferença na vida do estudante. “O aluno ter esta experiência no portfólio, é muito interessante”, ressaltou.

A oportunidade de colocar em prática o que é ensinado em sala de aula motiva os universitários a participarem dos projetos de extensão. É o caso do estudante de jornalismo David Moura, que já fez parte de duas edições do Roteiros. “O motivo para participar é conhecer um pouco a cidade escolhida, experiência acadêmica e um dia de relação mais próxima entre os professores e alunos, além dos habitantes”, disse.

O processo de escolha das cidades é criterioso. O primeiro passo é encontrar uma localidade consideravelmente perto, que seja possível fazer os trajetos de ida e volta em um dia; pensar pautas suficientes para os estudantes, além de criar possíveis temas para o caso de alguma matéria não dar certo. Guaramiranga, com seus personagens e pontos históricos, proporcionou conteúdos de qualidade aos estudantes da UNI7.

A professora Ana Márcia Diógenes relata o seu ponto de vista como mentora dos alunos. O Roteiros proporciona, na opinião dela, o fazer notícia e utilizar das novas mídias para isso. “As pautas ficam cada vez mais abrangentes na própria cidade que visitamos. É possível aprofundar as histórias de vida, destacando personagens e o fazer de cada cidade. Acho que isso é muito bom porque possibilita ao aluno um aprendizado mais contextualizado com a realidade jornalística. E, para nós, professores, é uma demonstração que cada vez mais vamos acertando a mão na realização do Projeto Roteiros’’, acrescentou.

A etapa seguinte é a elaboração dos textos, edição de fotos e imagens, que foram realizadas pelos estudantes de jornalismo, publicidade e design. O material será revisado e supervisionado pelos professores Ana Márcia Diógenes, Magela Lima e Miguel Macedo, para as produções textuais. As imagens serão editadas pelo professor Jari Vieira e monitores de fotografia. O resultado será finalizado em um website, produzido pelo professor Lima Júnior, com a supervisão dos coordenadores Dilson Alexandre e Nila Bandeira, para a produção do material de design. Em breve, estará disponível no Quinto Andar, portal de produção dos alunos de Comunicação.

TEXTO: Matheus Castro (4º semestre – Jornalismo/UNI7)
FOTOS: Ana Márcia Diógenes (Professora do curso de Jornalismo da UNI7)

Tags: , , , , , ,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *